GERAÇÃO PRÉ-ADÂMICA

sexta-feira, 1 de junho de 2012

DEUS NÃO TEM FILHOS PREDILETOS, MAS...






Em João 3:16 está escrito: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”.


Observem que este versículo diz que Deus amou o mundo, e não somente os crentes. O mesmo sangue que foi derramado por você e por mim, foi também derramado pelo ateu, pelo ímpio, pelo espírita, pelo católico, pelo macumbeiro, enfim, todos custaram o mesmo preço: o valioso sangue de Jesus. Ninguém é mais valioso que ninguém. O crente não vale mais que o ímpio, o evangélico não vale mais do que o macumbeiro, pois, todos nós custamos o mesmo preço, a saber: o sangue de Cristo.


Em Atos 10:34 está escrito: “E, abrindo Pedro a boca, disse: Reconheço por verdade que Deus não faz acepção de pessoas”.


Deus não ama mais alguém, pelo fato deste alguém ser crente, nem ama menos uma pessoa pelo fato desta pessoa não ser crente. Deus não faz acepção de pessoas. O amor de Deus se estende a todos de igual modo. Da mesma forma que Deus ama um heterossexual, Deus ama também um homossexual; da mesma forma que Deus ama um crente, Deus ama também um macumbeiro. Deus ama a todos de igual modo. Não há favoritismo por parte de Deus. Deus ama a todos com o mesmo amor de Pai. Agora, a forma como cada um vai corresponder a este amor, depende de cada um de nós. Há pessoas que valorizam o amor de Deus, e infelizmente, há pessoas que ignoram e desprezam este amor. Isto é triste, mas acontece. Cada um irá prestar contas da sua própria vida. A salvação é individual.


Em 1 Timóteo 2:3-4 está escrito: “Porque isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador, que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade”.


A vontade de Deus é que todos se salvem e cheguem ao pleno conhecimento da verdade. Deus quer que o ímpio se salve, que o ateu se salve, que o homossexual se salve, enfim, que todos se salvem. No entanto, a salvação só é possível ao pecador que se arrepende de seus pecados e entrega a sua vida a Jesus. 


Infelizmente, nem todos aceitarão a Jesus Cristo como Senhor e Salvador pessoal, e por causa disto, não serão salvos da condenação eterna. Mas o convite de salvação foi feito para todos, pois, Deus providenciou a salvação para toda a humanidade. O problema é que nem todos aceitarão o convite de salvação em Cristo. No entanto, vale salientar que a salvação foi preparada para todos, pois, todos nós temos o mesmo valor diante de Deus. Se existem pessoas que rejeitam o sacrifício de Cristo, isto não tem nada a ver com Deus: isto é escolha de cada um. Eu escolhi ir para o céu. Glórias a Deus por isso.


Como pudemos ver acima, Deus não têm favoritos. Ele ama a todos de igual modo, pois todos custaram o mesmo preço: o sangue de Jesus. Então, não pense que pelo fato de você ser crente, Deus vai valorizar a sua vida mais do que a vida de um ímpio ou ateu. Absolutamente, não. Deus ama a todos de igual modo, pois, Ele não tem prazer nem mesmo na morte do ímpio (Ezequiel 18:23). 


Contudo, Deus só salvará aqueles que tiverem a Jesus como Único e Suficiente Senhor e Salvador e, claro, abandonarem os pecados.

2 comentários: