GERAÇÃO PRÉ-ADÂMICA

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

PALAVRAS DE JESUS CONTRA O HOMOSSEXUALISMO


Entre os homossexuais tem ficado na moda argumentar que principalmente só o apóstolo Paulo, não Jesus Cristo, falou contra o homossexualismo. Quão válida é esta afirmação?

Ora, para começar, os que argumentam assim desconsideram que a Bíblia se refere às palavras de Paulo como fazendo parte da “Escritura” e assim sendo proveitosas para “endireitar as coisas”. (2 Tim. 3,15-17; 2 Ped. 3,15-16) Mas um exame honesto das palavras de Jesus mostra que ele também falou realmente contra o homossexualismo.
Ele disse, segundo registrado em Mateus 19,9, na Versão Normal Revisada:

“Quem se divorciar de sua esposa, exceto por falta de castidade, e se casar com outra, comete adultério.”

A palavra grega para “falta de castidade” que Mateus empregou ali para transcrever as palavras de Jesus é porneía. Porneía relaciona-se com o verbo porneúo, que significa “entregar-se a relações sexuais ilícitas”.
O melhor modo de entender o que está incluído nestes termos é verificar como são usados em outros lugares. Uma palavra similar aparece na Bíblia em Judas 7, na descrição do pecado de certas cidades antigas: 

“Sodoma e Gomorra e das cidades vizinhas, que . . . cometeram imoralidade [uma forma intensiva de porneúo] e perversão sexual — eles sofreram o castigo do fogo eterno, e o exemplo deles é um aviso claro a todos.” (BLH)

Por causa de que tipo de “imoralidade” ou porneía foram condenados os em Sodoma e Gomorra? A narrativa bíblica em Gênesis 19,4-5, responde:

“Os homens de Sodoma, cercaram a casa, desde o rapaz até o velho, todo o povo numa só turba. E chamavam a Ló e diziam-lhe: ‘Onde estão os homens que foram ter contigo hoje à noite? Traze-os para fora a nós, para que tenhamos relações com eles.’”

Esses homens de Sodoma e Gomorra eram homossexuais. De fato, a palavra portuguesa “sodomia”, que significa especialmente ‘homossexualismo masculino’, deriva-se do nome da cidade de Sodoma. A Bíblia chama seu pecado de porneía. Jesus disse que porneía era moralmente tão errado, que servia de base para cortar os laços maritais.

Além disso, lembre-se de que Jesus era judeu, vivendo sob a lei de Moisés. Seu uso de porneía, diz Edward Robinson no Léxico Grego e Inglês do Novo Testamento, evidentemente inclui ‘todas as relações proscritas pela Lei Mosaica’. Esta Lei incluía entre as suas injunções: “Não te deites com um homem assim como alguém se deita com uma mulher; é uma abominação.” (Lev. 18,22, The Torah, The Five Books of Moses, da Jewish Publication Society of America) Porneía, a palavra usada por Jesus, evidentemente abrange esta ordem de Deus.

Deve-se notar também que o homossexualismo foi condenado por Deus antes de se dar a lei de Moisés. Isto é provado pelo relato sobre Sodoma e Gomorra, já mencionado; aquelas cidades foram destruídas por Deus mais de 400 anos antes de vir à existência a lei de Moisés. Jesus sabia disso. — Luc. 17,28-29.32.

Sem dúvida, pois, Jesus, de fato, condenou todas essas práticas ‘sem castidade’ como homossexualismo. Conforme nos indicaria a razão, a Bíblia é coerente neste assunto. As palavras de Paulo foram apoiadas pela autoridade do Filho de Deus.

32 comentários:

  1. kkkkk viajou agora ein.....

    ResponderExcluir
  2. Difícil defender preconceitos né? Precisa um mundo de interpretações pra continuar não explicando nada...
    Vai uma aí, essa sim, saída da boca do 'Homem' e desnecessário correr pra qualquer dicionário, de quem quer que seja:
    "Porque Deus julgará vocês do mesmo modo que vocês julgarem os outros e usará com vocês a mesma medida que vocês usarem para medir os outros" (Mateus 7).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todo Cristão deve amar a todos sem distinção e isso, obviamente, cabe também aos homossexuais, no entanto é obrigação de todo Cristão, levar o evangelho a toda criatura. Por isso não se deve julgar a alguém por ser homossexual, no entanto deve-se mostrar que, se for de seu interesse e da convicção de sua fé que Jesus era o Filho de Deus e que Ele é o único caminho para a salvação da alma e o único caminho para a vida eterna, essa pessoa deve sim pedir pela misericórdia de Deus, que o livre dos sentimentos que possui e que não O agradam, e viver a vida da melhor forma que siga os ensinamentos de Jesus, sem a hipocrisia de achar que Deus ou Jesus, que são um só, concordam com os rituais sexuais praticados pelo homossexualismo, aliás, que condenam como abomináveis, tais práticas... você aceita ou não!

      Excluir
  3. Boa noite, na realidade, desde os primórdios é tudo prática de satanás, vejamos :
    Deus falou ; Amarás o teu próximo como a ti mesmo, satanás odeia,
    Deus falou; Não matarás, satanás mata,
    Deus falou não levantarás falso testemunho, satanás é falsidade total;
    Deus abençoou o casamento entre homem e mulher, satanás uniu homem com homem e mulher com mulher,
    quer prova maior que isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seguindo o seu raciocinio, é seguro disse que foi o satanas que criou o reino animal??? Porque existe varios animais que praticam sexo com o mesmo genero!!! Se deus abominasse a homossexualidade porque nos nao nascemos com a oruentaçao pre estabelecida???

      Excluir
    2. Sim,a falta de compreensão com o irmão homossexual

      Excluir
    3. tudo pra vocês é coisa de satanás, falam tanto o nome dele que parece que o adoram,

      Excluir
    4. tudo pra vocês é coisa de satanás, falam tanto o nome dele que parece que o adoram,

      Excluir
  4. Por que pra explica citam o velho testamento.Aff Se jesus disse ame o próximo.Jesus veio e mudou muita coisa do velho testamento.Se ele continuasse vivo iria muda muito mais as coisas do velho testamento.

    ResponderExcluir
  5. Ora,perversão sexual não está ligada diretamente a homoafetividade e Ele fala de adultério, não de práticas homossexuais,o autor desse texto q as classificou como ilícitas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As pessoas estão infectadas pela vontade de fazer da sua própria vida o que bem entendem e querem que Deus aplauda tudo de pé, aceitando-nos da maneira que somos e agimos. Devemos lembrar que TODOS somos pecadores, independente da opção sexual, religião, condição financeira e etc... Mas já notaram como somos soberbos em relação a Deus? Queremos tudo que vem Dele, porém, não podemos sequer fazer algo que contradiz a nossa vontade, para agradá-Lo. Quando vejo a respeito de homens que viveram uma experiência magnífica com Deus, noto que suas vidas eram diferentes antes de atenderem ao chamado do Senhor. Vejamos Moisés, por exemplo. Ele estava criando sua família, pastoreando ovelhas, feliz da vida, Deus o chamou para enfrentar o rei da maior nação do mundo, guiar quase três milhões de pessoas pelo deserto, ser líder de pessoas que o julgaram, a história desse líder é muito difícil! Moisés tentou argumentar esquivando-se do convite... você iria querer tal missão? Não! Não iria! Agora, quando é que você viu Moisés dizendo para Deus: Senhor, não é isso que eu quero, eu quero que seja assim, eu quero que o Senhor faça isso ou aquilo. Não, ele em nenhum momento sujeitou a Deus nenhuma das suas vontades e desejos, mas obedeceu ao Senhor, mesmo sabendo o quanto sua jornada era pesada e difícil. Nós somos diferentes, nós queremos que TUDO seja feito da nossa forma. Quando nos é colocado que devemos MUDAR para que a presença de Deus seja manifestada em nossa vida, comentários dizendo: não é isso, Deus me aceita do jeito que eu sou, Deus não é assim, isso é religiosidade e tal... Mas olha só, TODOS os homens e mulheres de Deus tiveram suas vidas interrompidas, modificadas, e foram moldados de acordo com a vontade de Deus. E somos diferentes deles por quê? Paulo mesmo, onde é que você viu ele pedindo à Jesus para ser apóstolo? O cara era soldado, estava vindo de um massacre (morte de Estevão) e Jesus aparece e diz: Por quê você me persegue, Saulo? E manda o cara na casa de um servo e aí começa a jornada de Paulo. O fato é que, aqueles que querem ter um encontro genuíno com Deus vão ter sim suas vidas modificadas, vão viver o sobrenatural de Deus, vão ter que mudar e serem como Deus quer, e ponto final, sabe por quê? O Rei é Ele, o Soberano é Ele, quem ordena e faz o que quer é Ele, não somos nós. Isso se chama PRIMAZIA, Quem tudo fez e tudo criou é que estabelece a forma que a criatura, objeto criado deve andar. Estamos muito mal acostumados com esse conceito de antropológico onde somos o centro do universo. O CENTRO DO UNIVERSO É DEUS! Agora, todos tem opção de ser o que quiser, fazer o que quiser, praticar ou não o que quiser, agora, se alguém realmente quer viver uma vida com Deus, vai ter que se submeter à Ele e aquilo que Ele nos deixou como diretriz para O encontrar na eternidade – A BIBLIA.
      Se acredita ou não nas escrituras, também é opção sua, porém, colocando seus interesses no centro JAMAIS encontrará a Deus, essa é a verdade... Porque Deus não divide a glória Dele com NINGUÉM. (Isaías 42:8)

      Excluir
    2. Lindo kra! Ele eh o soberano! Não vi ninguém tao coerente quanto VC aqui nesse texto. Se queremos mais de Deus, temos que nos submeter a ele.

      Excluir
  6. Ora,perversão sexual não está ligada diretamente a homoafetividade e Ele fala de adultério, não de práticas homossexuais,o autor desse texto q as classificou como ilícitas

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tive que excluir seu comentário, anônimo, devido ao palavrão que colocou no final, se quiser postá-lo de novo sem palavrões, ainda que em pontinhos, será bem vindo!

      Excluir
  8. sinceramente, o mundo ATUAL do jeito que está, acredito q. Deus tem bem mais com o que se preocupar doq quem amamos, o importante é o amor, o AMOR sobre todas as coisas, homossexualidade não quer dizer pornografia, quer dizer duas pessoas que se amam, que se respeita, conheço muitos casais homossexuais que são bem mais respeitosos um com o outro do que casais héteros, tenho um caso na família de um dito homem de Deus(leia-se evangélico), q. num dxava a mulher cortar o cabelo, assistir televisão, usar brincos, sair desacompanhada dele, e sabe como ele morreu?, com suspeita de HIV, pedindo perdão pra mulher agora me diz ela velha feia, sem noção nenhuma de mundo de como agir, sem ngm pra ajudá-la, pois por causa dele afastou toda a familia, ela num tinha de onde tirar o sustento e sem nenhuma instrução, viveu enclausurada por conta da tal religião, se viu desesperada com medo de uma doença q nem sabia como era, pois todos os meios de informação lhe foram tirados pela tal religião, vivia para o marido e para as filhas, e agora, e os irmãos da igreja, sabe uq fizeram?, afastaram-se pois acreditavam q. ela estava contaminada e tb pq ela num tinha onde cair morta como iria pagar o Dizimo, ela era inútil pra IGREJA, hoje já muito bem informada ela FOGE de igrejas, a igreja de verdade é o nosso coração se ele for puro de verdade Deus habitará nele.

    ResponderExcluir
  9. só para concluir, ele não morreu com HIV, foi só uma tuberculose mesmo que deu no exame, mas como foi tão forte que seu organismo não combateu na época houve suspeita dos médicos e ele mesmo pedindo perdão à mulher disse que tinha sido infiel e que poderia sim ser HIV.

    ResponderExcluir
  10. só para concluir, ele não morreu com HIV, foi só uma tuberculose mesmo que deu no exame, mas como foi tão forte que seu organismo não combateu na época houve suspeita dos médicos e ele mesmo pedindo perdão à mulher disse que tinha sido infiel e que poderia sim ser HIV.

    ResponderExcluir
  11. COMPLEMENTANDO MAIS UM POUCO, PORNÉIA QUER DIZER, LIBERTINAGEM, DEPRAVAÇÃO, E NÃO HOMOSSEXUALISMO

    ResponderExcluir
  12. SE VCS COLOCAM COMO DEUS DESTRUIU SODOMO E GOMORRA, PELOS PECADOS DA CARNE, QUE PECADO TÃO GRANDE FIZERAM OS DINOSSAUROS HEIM?

    ResponderExcluir
  13. POIS A ERA DELES ACABOU DO MESMO JEITO, COM UM METEORITO

    ResponderExcluir
  14. Um tempo longínquo, distante, sem cultura, conhecimento, sem interpretes da matemática, física, ciência, cosmologia...etc. Assim nasce religiões, de princípios distantes, sem muitos fundamentos, sem muitos argumentos, sem muitos estoriadores. Cristianismo, Judaísmo, Islamismo, Budaísmo e tantas outras. Cristianismo apenas teve maior expansão entre tantas outras, por ganhar muitas guerras "...em nome de cristo e vosso Senhor Deus..." por ter inúmeros líderes que assim espalharam para diversos povos e culturas e muitas outras objeções. Não ti intrigas à pensar que se outra religião fosse mais expansionista e mais abrangente, não estaríamos agora a "crer" em tal religião?

    ResponderExcluir
  15. sem comentários!!! Engraçado que as pessoas só comentam e interpretam a bíblia do ponto preconceituoso delas... Aprendam mais de Deus, Ele é amor!

    ResponderExcluir
  16. Já brincou de telefone sem fio? Pois é meus amigos, esse festival de disse que falou e blá, blá, blá... Não precisamos mais dessas confusões, necessário é que cada um saiba desenvolver o próprio discernimento no sentido do que é digno para si, é só. A palavra de deus proferida indiretamente, ou seja, por intermédio de alguém... sejam razoáveis, é só o modo que alguém achou para legitimar os próprios conceitos arbitrários ou outra forma de devaneio, só pode. Não tenhamos dúvida de que deus, o verdadeiro, se manifesta sempre em cada aspecto através do sopro do espírito santo inclusive por contradições e linhas tortas, a mensagem é adequada à quem sabe extrair delas o melhor e interpretá-las ao seu modo para enaltecer em si o sentido da paz o do bem se assim almejares em sabedoria, deus fala diretamente à cada um de nós por qualquer via que nos toque o coração. Agora pense e diga se eu estou certo ou Paulo, ou deus, e a quem você dará ouvidos?

    ResponderExcluir
  17. Cara... De boa. Palavras de Cristo: Exeto por... Adultério! Se é exceto, você errou ao expor o "corneuo", pois se exceto isso comete-se o adultério, então quem parte pra putaria e se divorcia não comete adultério. Outro ponto: No caso de alguém não casado antes, então não servem as palavras de Cristo? Outro ponto: Sempre se acha um jeito de "interpretar palavras" quando ontem a é esse, e quem interpreta o "não julgueis para não serdes julgados", como um bom sinal para matar alguém. Outro Ponto: Gênesis é o velho testamento, por que em muitas coisas vocês dizem:"Cristo veio para mudar tudo", mas pra outras ele obrigatoriamente segue as leis de Salomão? Bora lá que os tempos são outros e se Cristo voltar logo, os interpretadores podem ser dados como falsos profetas. Cuidem-se. Ele volta a qualquer tempo e nem mesmo ele sabe quando será. Ou estou errado?

    ResponderExcluir
  18. Jesus foi acusado pelos imaculados sacerdotes judeus de tantas coisas: baderneiro, blasfemo... Não duvido que Jesus tenha sido acusado de homossexual por esses estúpidos do passado, que hoje são bem representados pela hipócritas cristãos neopentecistai$$!

    ResponderExcluir
  19. O pior cego é aquele que não quer ver

    ResponderExcluir
  20. Jesus não precisava dizer o óbvio. Desde o início da bíblia vimos q o homossexualismo e condenado. O problema e a forma como a igreja trata do assunto. A bíblia também condena o julgamento e o evangelho de Jesus e baseado no amor. Jesus com um único mandamento sobreescreveu todos e os incluiu. Então eu creio q a igreja deva amar o homossexual mas não o que ele pratica. Temos uma sociedade adoecida em seus valores morais, e isso não é apenas no que tange a opção sexual. Jesus ordenou aos seus discípulos curar o enfermos , então isso inclui aqueles q vivem em meio aos males da sociedade.

    ResponderExcluir
  21. Concordo contigo Daniel Junior. Jesus veio pra curar e não pra condenar e apontar o dedo, o nosso papel como Cristãos é levar a luz através da palavra sagrada a estes que dizem saber o que diz lá, sem sequer abri-la e tão pouco tentar vive-la.

    ResponderExcluir
  22. Concordo Daniel Júnior, Jesus veio pra curar e cabe a nós Cristãos levar a sua palavra aos que andam em trevas e precisam encontrar luz.

    ResponderExcluir
  23. Pergunta simples,Deus sendo onisciente e tendo realizado toda a criação,sabia mt bem a natureza que deu a cada um...há mts homossexuais são sim depravados,assim como héteros,ser depravado não está automaticamente ligado a orientação sexual...não se trata de opção,quem é gay nasce assim e dizer que os ama,mas que eles não devem exercer sua afetividade e sexualidade é condená-los a um tipo de tortura..outra coisa,Jesus não é Deus...e por último,pregar a palavra é pregar o amor e a compreensão,o respeito e a dignidade...este tipo de crença da forma como vcs a trazem,abre portas para uma série de violências em relação aos homossexuais...é bom refletir sobre isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá, mas, JESUS É DEUS SIM:

      João 1

      1 No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.
      2 Ele estava no princípio com Deus.
      3 Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez.
      4 Nele estava a vida, e a vida era a luz dos homens.
      5 E a luz resplandece nas trevas, e as trevas não a compreenderam.
      6 Houve um homem enviado de Deus, cujo nome era João.
      7 Este veio para testemunho, para que testificasse da luz, para que todos cressem por ele.
      8 Não era ele a luz, mas para que testificasse da luz.
      9 Ali estava a luz verdadeira, que ilumina a todo o homem que vem ao mundo.
      10 Estava no mundo, e o mundo foi feito por ele, e o mundo não o conheceu.
      11 Veio para o que era seu, e os seus não o receberam.
      12 Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome;
      13 Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus.
      14 E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade.

      Excluir