GERAÇÃO PRÉ-ADÂMICA

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

PADRE OTÁRIO CHAMA QUEM OBEDECE A BÍBLIA DE...OTÁRIOS


O padre da Arquidiocese de Cuiabá (MT), Paulo Ricardo de Azevedo Junior, chamou os evangélicos de “otários” por não aceitarem a adoração a imagens.


“O principio protestante é um princípio orgulhoso e é soberbo, o principio protestante é "eu não preciso o de ninguém eu vou pra Deus direto", disse o religioso durante um sermão e afirmou que a religião dele é humilde e que Deus quer que usemos os outros pecadores.


“E se Deus quer que você use os outros, as criaturas humanas frágeis, o que você faz otário?”, diz ele que confessa que beija a mão de outro padre mesmo sabendo que ele é pecador porque aquelas mãos são instrumentos de santificação.


O padre disse os protestantes repetem, babam e bufam, que Jesus é o único mediador. “Jesus é a único mediador, meu filho. Mas você já ouviu falar no Corpo de Cristo? O único mediador é o Corpo de Cristo, não é só a cabeça”, disse.


Durante um sermão, conforme pode ser visto no vídeo acima, ele tentava convencer de que o catolicismo está correto ao pedir para que os santos façam a intermediação de suas súplicas e é o mesmo que pedir para o próprio Jesus. Ele diz também que os evangélicos falam que amam a Jesus, mas perseguem os católicos, falam mal da Virgem Maria e do Papa.


“Como é possível amar Jesus desse jeito? Vocês só amam o pedaço que vocês escolhem? Cadê o cristianismo bíblico que vocês pregam?”, diz o sacerdote que afirma que Maria age na salvação do mundo, porque Cristo está vivo e está vivo através da Igreja, o Corpo de Cristo que foi gerado por Maria.

Opinião d'O Detalhe da Palavra:
Onde está a Bíblia deste otário que diz:

"Eu sou o SENHOR; este é o meu nome; a minha glória, pois, a outrem não darei, nem o meu louvor às imagens de escultura." Isaías 42:8

 
O véu que separava, foi rasgado, temos LIVRE acesso a Deus através unicamente de Jesus Cristo, O Próprio Deus. Não precisamos de ajuda de mortos, isto é espiritismo, tão pouco de otários, como o do vídeo acima, para chegarmos a Deus!

Vamos continuar babando, bufando que Jesus é o único acesso a Deus. Aliás, foi Ele mesmo quem disse: " ninguém vem ao pai senão por mim "! Só não vamos babar beijando a mão de outros!

É isso aí!

7 comentários:

  1. Quando alguém pedir oração a você, diga para este irmão que vá direto a Jesus.
    Quando pensar em pedir oração ao teu pastor, recue e vá direto a Jesus.
    Ao final do culto quando o pastor resolver orar pela comunidade, grite bem alto que só há um mediador.

    ResponderExcluir
  2. Se eu ou o pastor estivermos mortos, ai sim, deve-se fazer isto mesmo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas se o evangélico pode ir direto a Jesus, por que procurar por um pecador como intercessor ? Não faz sentido meu irmão. Se você tem acesso ao Rei dos Reis, por que iria pedir oração para alguém que talvez seja até pior do que você ? É a mesma questão do padre. Por que vou escolher o pior advogado ? Se tenho a minha disposição o melhor advogado e este mesmo nada me cobra, pelo contrário, já pagou a minha dívida e ainda por cima tem livre acesso ao Altíssimo, estando sentado a direita dele inclusive, por que troca-lo por um pecador ?

      Excluir
    2. Oração entre irmãos VIVOS faz parte da comunhão e amor ao próximo. O pecador vivo, pode interceder junto ao Pai, inclusive pelo perdão. pecador morto não faz nada!

      Excluir
  3. Mas DEUS não é DEUS dos mortos e sim dos VIVOS.

    O ladrão da cruz estava vivo e Jesus lhe prometeu que ainda naquele dia estariam juntos no paraíso. Acaso Jesus mentiu ?

    Moisés e Elias estavam vivos na transfiguração. Acaso o Altíssimo mentiu ?

    Ora, a Bíblia diz que muito vale a oração de um justo. E diz também que não há um justo entre nós. De que justos a Bíblia está falando ?

    Se eu e você que somos pecadores e maus podemos interceder, muito mais quem já está na Glória do Senhor.

    Moisés orou a DEUS e lhe pediu clemência ao povo pelos méritos de Abraão. E DEUS lhe atendeu. Acaso o Altíssimo que reina pelos séculos dos séculos, que existe ante do nada e que todas as coisas chamou a existência, estaria enganado ?

    Concordo que a palvara usada pelo padre foi desnecessária. Ninguém gosta de ser chamado de otário. Eu também não gostaria.

    Mas ninguém ficou chocado quando um pastor que é celebridade chamou de trouxa quem não prega teologia da prospreidade.

    Ninguém ficou chocado quando um outro apóstata famoso acusou cantores evangélicos de endemoniados.

    Ninguém ficou chocado quando este mesmo pregou a favor do aborto. Nem campanhas, nem cartas abertas e tampouco boicotes a sua nefasta rede de tv foram deflagrados no meio evangélico.

    Ninguém fica chocado quando este mesmo herege diz que quem não paga dízimos é ladrão. E ele está falando para evangélicos.

    Ninguém pediu desculpas aos católicos quando um pastor chutou um símbolo da fé católica.

    Pois eu peço desculpas pelo padre. Ele é homem. Erra. Ele mesmo disse que é orgulhoso e que a religião dele lhe instrui a humilhar-se.

    Concordo que foi desnecessário e inadequado e como cristãos devemos pedoa-lo.

    O que não fiz como protestante, ou seja, pedir perdão aos católicos, mas antes, hipocritamente ainda procurei desculpas para o dito cujo que chutou a santa, agora faço como católico convertido e assim peço que perdoem o padre Paulo Ricardo.

    ResponderExcluir
  4. Engraçado que este mesmo Jesus que voce afirma que é Deus dos mortos disse um dia: Deixai aos mortos o sepultar os préprios mortos. Orar a santos mortos é espiritismo!

    Pra mim, o padre em questão é um grande otário mesmo e, parabéns p voce por tê-lo perdoado!

    Moisés e Elias não passaram pela morte, assim como Enoque e, pelo menos na minha Bíblia, não há nunhum incentivo para pedir a eles que interceda por nós, nem exemplo disso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem nada de engraçado pastor. Ele está fazendo referência aos mortos espiritualmente. Por isto ele diz: "Deixai os mortos(vivos)sepultar os próprios mortos(morte física)." É a situação mais triste na qual o ser humano pode se encontrar.

      Vivo fisicamente, mas morto por dentro. Sobre o padre eu não sei se ele é otário. Não o conheço pessoalmente. Mas acho que falhou. Ninguém gosta de ser ofendido. Mas se o senhor pode lhe chamar de otário, não deveria ter ficado zangado pelo inverso. O amor cristão consite em fazer ao outro aquilo que gostaríamos que fizessem a nós. Se o senhor lhe chamaria de otário, por que não é possível o contrário ? E ele nem se dirigiu pessoamente ao senhor. Pense a respeito.

      O espírita não só ora pelos mortos. Eles pensam "falar" com os mortos. E invocam os mortos. Leia a condenação católica par ao espiritismo. Está em toda a internet. Mas leia por favor para não repetir um erro tão feio como este. Tem 2000 anos que a doutrina católica condena o Espiritismo.

      O apóstolo Paulo fala do amor que não se acaba. Cessam profecias, dom de línguas, mas o amor não acaba. O amor dos protestantes pelos seus entes queridos parece ter acabado.

      Não estamos falando de como alguém chegou ao céu, mas do estado de cada um no céu. Como Elias chegou é menos importante de como Elias está.

      Agora se Jesus disse que a Abraão regogizou-se com o dia de Jesus, como seria possível sua alegria estando morto ?

      No evangelho de S. Mateus (22, 30), Jesus Cristo ensina que os "santos são como os anjos de Deus no céu". Zacarias diz: "que o anjo intercedeu por Jerusalém ao Senhor dos exércitos" (1, 12 -13).

      Seguem algumas passagens que demonstram a falsidade do argumento daqueles que defendem a tese de que os homens estão "dormindo" após a morte.

      1) Na transfiguração do Tabor, Nosso Senhor aparece ao lado de Elias e de Moisés. Elias está no Paraíso terrestre (ele não morreu e deve voltar no fim do mundo) e Moisés já estava morto (Lc 9, 28 ss)

      "Quanto à ressurreição dos mortos, o senhor nunca leu o que Deus nos ensinou ?

      Eu sou o Deus de Abraão, o Deus de Isaac e o Deus de Jacó?

      Ora, ele não é Deus de mortos, mas de vivos" (Mateus 22, 31-33). Logo, Abraão, Isaac e Jacob estão vivos e não "adormecidos".

      No Novo Testamento é cristalino a afirmação de que, após a morte, os justos gozam de vida consciente e bem-aventurança. A

      Assim, S. Paulo desejava morrer para estar com Cristo - o que lhe parece melhor do que ficar na vida presente:

      "Para mim, viver é Cristo, e morrer é lucro... Sinto-me num dilema: meu desejo é partir e estar com Cristo, pois isto me é muito melhor...."(Fl 1, 21, 23) -

      Só existem duas situações possíveis para "estar com Cristo".

      Ou Nosso Senhor está dormindo, ou os santos não estão dormindo após a morte. Com qual as duas o senhor ficaria ?

      Mais: em Ap. 6, 9s, os mártires, junto ao altar de Deus nos céus, clamam em alta voz:

      "Até quando, ó Senhor Santo e verdadeiro, tardarás a fazer justiça, vingando nosso sangue contra os habitantes da terra?" Como se vê, os justos estão conscientes após a morte!

      Não tivesse o vosso pai Lutero arrancado por conta própria 07 livros da Bíblia, eu ainda poderia fornecer outros textos.

      Mas Lutero, mediante uma "autoridade" que não foi instituída por DEUS escolheu o que desejava seguir e o que não seguir da Bíblia.

      Infelizmente, muitos outros optaram por seguir seus ensinamentos, ainda que saibam que ele classificou o senhor da glória como bêbado e adúltero, atribuindo-lhe como amante Maria Madalena.

      Caro pastor, eu não entrei aqui por acaso. E não voltarei. Seria indelicado a não lhe conceder a última palavra.

      Fui muito bem tratado e o senhor democraticamente me acolheu.

      Eu vos saúdo em nome do nosso Senhor Jesus Cristo.

      Ademais, muito em breve seremos um só rebanho sob o comando e os cuidados de um só pastor. E assim os debates não mais serão necessários.

      Aguardo o Senhor.

      A Paz.

      Excluir